16.12.13

Das coisas que mudam o mundo.


Pedro e Lívia estão aumentando sua coleção de livros e querem mandar um abraço para a equipe bacana do Itaú Social que teve essa idéia linda de distribuir livros gratuitamente. Meus sobrinhos adoram e pensam (assim como eu!) que sim #issomudaomundo.
Acompanhando os livros veio um marca texto lindo do sapo e um folheto com os 10 direitos das crianças de 0 a 5 anos em relação à leitura – li pra Pedro&Livia e eles adoraram,   a lista é genial:

1 – Toda criança pequena tem direito de ver os livros e as pessoas lendo, observar como elas se comportam e reagem. Isso desperta na criança o interesse pela leitura.
2 – Toda criança pequena tem direito de conhecer os diferentes lugares onde os adultos leem: na cama, no sofá, no chão, no parque ou no ônibus, e pode escolher seus lugares preferidos para ouvir uma história ou “ler” sozinha.
3 – Toda criança pequena tem direito de explorar o livro – sentar em cima, bater na capa, morder, e ao escutar uma história, pode ficar sentada, deitada e em pé.
4 – Toda criança pequena tem direito de escutar muitas histórias na voz de pessoas queridas, todos os dias. Esse é um momento para o adulto demonstrar carinho, conversar com a criança, mostrar e nomear as coisas do mundo.
5 – Toda criança pequena tem direito de aprender a utilizar os livros. Para isso, é essencial que possa manuseá-los, descobrir diferentes tamanhos e formas, tipos de letra e ilustração, ver qual é a capa, como virar as páginas, onde a história começa e termina.
6 – Toda criança pequena tem direito de ouvir a história do jeito que o autor escreveu, sem alterações feitas pelo adulto que lê. As palavras estranhas e diferentes ampliam o conhecimento da criança.
7 – Toda criança pequena tem direito de ficar em silêncio, perguntar e conversar durante as histórias. É natural para ela falar sobre as suas descobertas e suas dúvidas.
8 – Toda criança pequena tem direito de usar a sua imaginação para brincar com os personagens, as ilustrações, os sons das palavras e as situações do livro, criando sua própria história. Ela pode rir, sonhar, entristecer-se, movimentar-se, surpreender-se ou até sentir uma pontinha de medo.
9 – Toda criança pequena tem direito de reconhecer situações do cotidiano das pessoas do seu grupo ou de grupos diferentes através do livro.
10 – Toda criança pequena tem direito de escutar várias vezes a mesma história, mesmo que não olhe para o livro e suas ilustrações. E, se não gostar de algum livro, a criança também tem direito de interromper a leitura.


Fonte: folheto “Leia para uma criança”, da Fundação Itaú Social (2013)

2 !:

Nina disse...

Essa proposta do Itaú é realmente incrível, muito interessante e estimulante. A leitura muda a humanidade. E nós mudamos o mundo. Uma iniciativa que aplaudo de pé.
Abraços.

Forever Dieguita disse...

Linda iniciativa deles. Sou apaixonada pela leitura, acho lindo passar isso adiante.

Ailma,
árvore plantada junto a ribeiros de água, muito prazer!

 
cata nuvens © Todos os direitos reservados | Ilustração :: Monoco | voltar para o topo